Buscar
  • Dr. Antonio Carlos Arighi

hipertensão arterial sistêmica (HAS)



A hipertensão arterial sistêmica (HAS) é uma doença crônica de natureza multifatorial, na grande maioria dos casos assintomática, que compromete fundamentalmente o equilíbrio vasomotor, o que leva a uma redução da luz dos vasos e danos aos órgãos por eles irrigados. Na prática, a HAS é caracterizada pelo aumento dos níveis pressóricos acima do que é recomendado para a faixa etária.

A HAS é um dos problemas de saúde pública mais importantes no mundo, já que é um importante fator de risco para a ocorrência do acidente vascular cerebral e o infarto agudo do miocárdio, além de poder causar grande parte da cegueira previnivel e da insuficiência renal crônica.


A medida da pressão arterial (PA) é o elemento chave para o estabelecimento do diagnóstico da HAS. De acordo com as Diretrizes Brasileiras de Hipertensão Arterial, classificamos os níveis de PA para pessoas com mais de 18 anos conforme a Tabela 1.

Tabela 1: Classificação da pressão arterial segundo os valores da pressão arterial sistólica e da pressão diastólica, segundo as Diretrizes Brasileiras de Hipertensão Arterial.



A importância da HAS consiste no diagnóstico precoce e tratamento, evitando assim as complicações descritas acima. Por isso meça sua pressão arterial e sempre que houver medidas alteradas procure um clínico geral ou cardiologista para realizar o tratamento e evitar maiores problemas no futuro.

Associe sempre a medicação, um estilo de vida saudável com uma alimentação de pouco sal e atividade física regular.

40 visualizações
©Clínica Arighi 2018 - Todos os direitos reservados.
Imagens meramente ilustrativas.
Responsável técnico:
Dr. Antonio Carlos Arighi Jr. - CRM/SP 113.196.
Av. Dr. Guilherme Dumont Villares, 1.230 • Cj. 13
Morumbi • São Paulo/SP • CEP: 05640-002
TEL.: 11 3501-8427
Siga-nos nas redes sociais