Buscar
  • Dra. Rocío Liliana Arighi

Outubro Rosa - A importância da prevenção do Câncer de Mama


O Outubro Rosa, é um movimento internacional que vem ganhando força a cada ano com o objetivo de levar conscientização sobre a importância de um diagnóstico precoce e da prevenção do câncer de mama.


O câncer de mama representa o principal tipo de câncer na mulher, depois do de pele não melanoma, respondendo por cerca de 28% dos casos novos a cada ano.


Geralmente apresenta um bom índice de cura, em até 98% dos casos, principalmente quando diagnosticado em sua fase precoce, reduzindo significativamente a necessidade da mastectomia (retirada dos seios), tão temida pelas mulheres.


Os principais fatores de risco constituem o sexo feminino, a idade (> 50 anos), história familiar (primeiro ou segundo grau direto) ou pessoal: ausência de filhos, ausência da amamentação, primeira gravidez após os 30 anos, uso de hormônios externos, consumo de álcool, doença mamária prévia, radiação torácica e obesidade.


Apesar de muitas vezes o câncer de mama não possuir causa específica, algumas medidas podem ser tomadas como prevenção.


Confira algumas dicas importantes que a Clinica Arighi preparou para a Campanha Outubro Rosa:


Procure um profissional de saúde

O autoexame é uma maneira importante de a mulher conhecer o próprio corpo e perceber possíveis alterações, mas, muitas vezes, o tumor não consegue ser percebido apenas através do toque.


É imprescindível a realização da mamografia para detecção da doença. Assim sugere-se a realização do exame de mamografia de maneira regular (anualmente) a partir dos 40 anos de idade ou antes disso caso haja histórico familiar de câncer de mama ou a indicação de um profissional de saúde.


Uma das barreiras para a detecção precoce do câncer de mama é o medo. Muitas mulheres têm receio do exame e demoram a procurar orientação médica para realização da mamografia.


A terapia de reposição hormonal (TRH), quando estritamente indicada, deve ser feita sob rigoroso controle médico e pelo mínimo de tempo necessário.

Por tudo isso faça acompanhamento regular com um especialista.


Alimentação adequada

Uma dieta equilibrada evita o sobrepeso e melhora a qualidade de vida.

Alimentos industrializados, enlatados e conservados contêm agentes cancerígenos na composição e devem ser evitados.

Dê prioridade aos vegetais e coma pelo menos cinco porções de frutas, legumes e verduras ao dia.


Realize atividade física

A prática de atividade física diminui em cerca de 1/3 os riscos de desenvolver câncer de mama. Pratique exercício aeróbico, pelo menos três vezes na semana, ou de acordo com as suas necessidades.


Evitar o fumo.

O cigarro contém cerca de 4.720 substâncias tóxicas, que levam a uma série de doenças, entre elas, o câncer. O tabagismo é considerado a principal causa de morte evitável pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e estima-se que 30% de todos os casos de câncer são devido ao tabagismo. Por isso, não fume e proteja-se da fumaça do cigarro.


Evitar o consumo de álcool

O alcoolismo causa entre 2% e 4% das mortes por câncer, sendo um dos fatores de risco para o desenvolvimento de diversos tumores, incluindo o de mama, principalmente se o uso for combinado com o tabaco.


A prevenção é o melhor caminho para uma vida mais cor de rosa!


6 visualizações
©Clínica Arighi 2018 - Todos os direitos reservados.
Imagens meramente ilustrativas.
Responsável técnico:
Dr. Antonio Carlos Arighi Jr. - CRM/SP 113.196.
Av. Dr. Guilherme Dumont Villares, 1.230 • Cj. 13
Morumbi • São Paulo/SP • CEP: 05640-002
TEL.: 11 3501-8427
Siga-nos nas redes sociais